04/12/2012

Val Codera - trekking e cinema!!

Contei aqui todas as vezes que fui fazer trekking na montanha.

É uma experiência maravilhosa mas também muito cansativa!

Todas as vezes durante o percurso, falo que é a última vez que faço trekking do tipo, hahaha. Mas depois, toda a paisagem, o lugar, o clima, todo o esforço fica esquecido, e sei o quanto vale a pena o sacrifício.


Esta última vez foi em Val Codera, na província de Sondrio. Um percurso não muito difícil, e tínhamos um incentivo muito especial : era ali que seria girada da maior parte das cenas do novo curta-metragem da GaroArte, como falei no post anterior, "Autunno".


Val Codera fica a 100 km de Milão, só pode ser alcançado à pé ou de helicóptero.

São 2 horas e meia de caminhada saindo de Novate Mezzola.

Numa altitude de 815 metros, está Codera, a pequenina cidade, toda de pedra, na qual há alguns bons anos atrás residiam muitas pessoas. 


Por sua posição estratégica, muitos passaram por lá, dos celtas aos romanos, vários povos bárbaros, sinais da passagem deles são ainda visíveis. Destaque para a ponte romana, onde inclusive fizemos uma cena do filme.


Val Codera teve importância histórica com o fascismo. Na época, todos os grupos de escoteiros estavam proibidos, e Codera foi o ponto de encontro para o grupo fascista "Aquile randagie" (algo como: águias desviadas). Desde então todo o vale é prioridade para os grupos de escoteiros.

Existem alguns refúgios em Codera, e a trilha pode ser percorrida em qualquer época do ano. Caminhar, chegar no refúgio e comer comida típica de montanha, regada com uma bella grappa ou vinho, não tem preço! :)


Vale super a pena!

E assim que o filme estiver pronto, claro, colocarei o link pra vocês!

Baci a tutti!

3 comentários:

Obrigada por participar!
Seu comentário será publicado após a aprovação. :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...