03/03/2020

Realizando meu sonho na Itália: Diploma de Psicologia reconhecido!

Realizando meu sonho na Itália: Diploma de Psicologia reconhecido!

Enriquecendo a série de depoimentos de brasileiros que conseguiram o reconhecimento do diploma/profissão aqui na Itália, hoje publico o depoimento da Julia, psicóloga clínica.

"Oi, me chamo Julia Gugliotta, sou psicóloga clínica e psicoterapeuta sistêmica e vou contar aqui um pouco da minha experiência em reconhecer meu diploma de Psicóloga Clinica na Itália.



O primeiro passo que precisa ser dado é no próprio país de origem (Brasil), onde será feita a declaração de valor. No site do consulado tem toda documentação necessária. Conseguindo essa declaração de valor, vem a parte um pouco mais complicada do reconhecimento que é feita no Ministero della salute di Roma. Para fazer essa etapa, é necessário ver no site do Ministero della salute/riconoscimento dei titoli/psicologo, as outras documentações que devem ser entregues junto com a declaração de valor.

A coisa que mais oriento a todos é que se deve preparar as documentações conforme está escrito no site. Não adianta dar um "jeitinho". Eles são muito rigorosos e na falta de qualquer documento, o processo será negado. 

Eu entreguei toda documentação conforme solicitado, esperei uns três meses e veio o resultado. Tive que reapresentar as emendas da faculdade, porque eles queriam que em todas as emendas fosse presente a identificação do responsável do curso afirmando que cada página da ementa fazia parte do curriculum da faculdade de psicologia que eu havia cursado. 

Foi um balde de água fria ter que retornar no Brasil e solicitar tudo isso. O processo não é fácil e é custoso também. Mas depois de mais uns 6 meses, tive o reconhecimento esperado. 

Mas para exercer a profissão na Italia, assim como no Brasil, depois do reconhecimento é necessário se inscrever no conselho de psicologia da região onde você vive. Se paga a anuidade e outras taxas correspondente a parte fiscal e a uma seguro que deve ser feito para os pacientes. Só assim você pode começar a trabalhar. 

Hoje faço atendimento particular no consultório em Milão e também atendimento online e alguns voluntariados, o que me ajudou muito a ter o italiano fluente que é imprescindível para conseguir se expressar bem com os clientes.

Se você ama a profissão e tem condições de investir nesse processo, ou seja, tem o suporte de alguém na Italia e não precisa ganhar um dinheiro para sobreviver, corre atrás do seu sonho. Digo isso porque infelizmente, depois do reconhecimento, aqui na Itália  para fazer concursos ou encontrar um trabalho fixo na área clinica, (sem ser o consultório particular que leva um tempo para você ter clientes) é necessário ter o titulo de psicoterapeuta, e para isso são mais 4 anos de estudo e investimentos. 

Esse foi todo meu percurso, e espero ter contribuído para ajudar com informações bem reais sobre o processo para ser um psicólogo aqui na Italia. Boa sorte a todos!


Qualquer informação, estou a disposição: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por participar!
Seu comentário será publicado após a aprovação. :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...