16/12/2010

Por aqui é diferente...

               Uma das coisas mais divertidas em enfrentar uma vida em outro continente, outro país, são as diferenças. Descobrir cada uma delas, perceber a diferença cultural e também de educação é bem interessante. 
              Logo de cara que cheguei aqui, para pegar o trem e metrô, se compra bilhetes em máquinas eletrônicas ou no bar. E esse bilhete tem que ser validado em uma das maquininhas da estação, alguns burlam a fiscalização e andam sem bilhete ou sem validá-lo, italianos geralmente não fazem isso, são bastante honestos. Nos ônibus a mesma coisa. Não tem cobrador, você tem que validar o bilhete na maquininha, quando tem.



                      Depois, chegando em casa, as diferenças:

- O chuveiro é de mão, com suporte para encaixá-lo para usar como ducha.


- Algumas casas não têm chuveiro com box, e sim as banheiras (vasche);


- Não tem tanque de lavar roupa! (pois é..)
- A geladeira normalmente é embutida no armário, assim como o escorredor de pratos e o forno-fogão.
- Não se acha muita variedade de sabonete em pedra (mais comumente utilizado no Brasil), aqui se usa mais o sabonete líquido, bagno sciuma ou bagno crema. 


- Não existe rodo. Então nada de querer passar pano úmido no chão com rodo, aqui se usa o mocio. (Prático, não precisa molhar as mãos, torce no balde mesmo). 


- Os banheiros ainda têm o bidê. E há uma forte campanha contra o uso de papel higiênico (que aqui a maioria joga no vaso sanitário mesmo). 


                   Ma 'pera lá! Ter que se lavar toda vez que fizer até xixi é dose né? Bem, eu sou contra jogar no vaso sanitário, na verdade não é nem uma questão de ser contra ou a favor, é questão de costume mesmo. No Brasil não se joga porque entope a tubulação que é estreita demais. Porque na verdade, poderia, como aqui, já que os papéis deste tipo são biodegradáveis. Mas aqui a maioria joga no vaso mesmo, e não tem nem cestinho de lixo no banheiro, aí é que vem a pergunta: e os absorventes íntimos femininos, como é que ficam, ou melhor, para onde vão? É, gostaria de saber. Porque boa parte é composta de plástico, e no vaso é problema na certa. E dificultaria muito o tratamento desse esgoto. 

- É difícil achar shampoo e condicionador (balsamo) separadamente, a maioria dos shampoos que encontramos é 2 em 1 (que detesto). Talvez por isso as italianas são "meio descabeladas", com a "juba armada" mesmo. hahaha.. italiana com chapinha só na televisão!! Mas acho legal isso nelas, assumem a cabeleira mesmo. E a maioria não tem cabelo liso não!! rs.

- Outra diferença nas mulheres: maquiagem! Sempre e muita! Se vir uma mulher sem muita maquiagem na rua pode apostar que não é italiana. hahaha. Abusam sempre da base (que tem um nome engraçado: fondotinta),  lápis, rímel e tudo o mais. E sempre andam bem arrumadas, apesar de que algumas exageram e ficam muito peruas e, às vezes bregas, hahahaha.



                  Bem, essas são algumas das diferenças. Claro que aos poucos vamos notando outras, curiosas, estranhas ou não. O importante é estar aberto a aceitar as diferenças, aberto para o novo e para o desconhecido. 
                    Baci e até mais!


21 comentários:

  1. Carla,
    Parabens pelo blog!
    Ja acompanho desde o inicio qdo vc anunciou la no orkut.
    Sempre torcendo por vc!Felicidades!
    bjos,
    Magda

    ResponderExcluir
  2. Em primeiro lugar quero parabenizar pelo Blog, eu adorooooo ler as suas histórias e confesso que aos poucos a gente vai torcendo por cada etapa sua desde Brasil ´até Itália...e engraçado isso, mas parece um personagem de um filme e que vc esperar que o final seja feliz...parabéns por tudo, pela coragem, pela dedicação...Eu estou indo passar 3 meses em livorno, já já ouviu falar? será que levo muita ropua de frio..?, estou anciosa, com medo...mas enfim bem feliz de estar indo rever uma pessoa " especial" rs..mas tantas dúvidas surgem..medo de não entrar, medo de me perder...hahaha coisas bobas , mas que nós tomam completamente...
    enfim...feliz natal e um ano novo cheio de alegrias e realizações...
    ANA CAROLINA

    ResponderExcluir
  3. Ana Carolina e Magda, obrigada pelos votos, por acompanharem o blog, pelas palavras, por tudo. Não imaaginam o quanto isso me satisfaz, me deixa feliz! Desejo tudo de bom pra vcs também, bom Natal e um 2011 repleto de realizações. Ana, não conheço Livorno, mas tenho uma amiga que já morou lá. Faz frio mas a neve não é comum. Fique tranquila, tudo dará certo. Boa sorte para vc e tudo de bom nesses 3 meses de visita. bjus

    ResponderExcluir
  4. Carla

    Vc tem dificuldades de encontrar sabonetes por ai? Aqui em Firenze vc consegue encontrar em todo mercado, inclusive a maioria das marcas que existem no Brasil. Eh claro que a maior parte do povo usa o sabonete liquido... eu uso todos os dois!

    Quanto ao papel higienico, eu tambem tenho o costume (que ja veio do Brasil) de joga-lo na privata. Eu nao gosto da cestinha suja no banheiro, acaba dando mal cheiro. Eu deixo uma cestinha no banheiro pra colocar absorventes, fios de cabelos que grudam na escova e outras coisas.

    A maquiagem realmente a italianada abusa...Eu nao consigo usar maquiagem de dia, o maximo um baton e um lapis, mas sombra, nem pensar. Ela ja acordam maquiadas! Agora com os cabelos, eu acho perfeito... Dificilmente vc ver uma italiana (digo isso com base em Firenze) descabelada. Aqui os cabelos estao sempre arrumados, escovados...

    O tanque nao tem mesmo nao... è um grande problema... e pior do que isso, è o raloooo!!! Nao tem ralo no banheiro (so no boxe) e nem na cozinha...

    Um beijo grande pra ti!

    ResponderExcluir
  5. É Cris, não acho quase nada de sabonete, só umas marcas estranhas que nem tem cheiro direito..kkk..
    Talvez em Firenze seja diferente mesmo..rs aqui a maioria tem a cabeleira armada, e hj percebi no trem que a maioria tem os cabelos acima dos ombros ou cortes bem curtos.. engraçado né? Concordo! Esqueci de comentar isso no post: o bendito ralo! faz falta mesmo, não tem em lugar nenhum, com exceção é o box mesmo.. beijos pra vc tbm.

    ResponderExcluir
  6. Olá Carla, obrigada pela visita em meu blog e os votos de Feliz Natal! Desejo à vc muitas felicidades na Itália, muitas realizaçoes e principalmente, saúde! Tudo de bom! Feliz Natal!Beijos.

    ResponderExcluir
  7. O ralo, você esqueceu o ralo!

    Aqui na região não existe uma única casa com ralo. A sua tem? Foi a primeira coisa que notei: joguei um balde d'água para lavar o banheiro e... Cadê o ralo? :D

    ResponderExcluir
  8. Angela, de nada. Visite sempre, bjus.
    É verdade Alan, tinha esquecido do ralo. Não tem em canto nenhum!!! Mas como não existe rodo também, é de se esperar que não tenha ralo, kkkk. bju

    ResponderExcluir
  9. Oi Carla.
    Per quanto riguarda la carta igienica mi dispiace ma trovo molto nojento il modo di usare qui in Brasile. Lasciare la carta sporca di... quello che sappiamo dentro un locale piccolo come il bagno, oltre a essere a mio parere per nulla igienico, lascia ovviamente un odore non dei migliori.

    Stessa cosa per il ralo. Se invece di jogar l'acqua come fate qui usate i prodotti adatti per pulire vi posso assicurare che avrete sempre una casa limpa senza avere acqua per casa (è un'altra cosa che non capisco di voi brasiliani). Inoltre per gli assorbenti ti posso assicurare che in tutte le case dove vive almeno una donna trovi sempre un cestino per il lixo. E lo trovi anche nei bagni pubblici o di uffici.

    Um abraço:

    ResponderExcluir
  10. É verdade Franco, mas costume é costume não é mesmo? rs.. realmente alguns banheiros têm o cesto, mas já fui em alguns que não tinha nenhum e por isso achei estranho. Também estou mudando meus hábitos. Abraço.

    ResponderExcluir
  11. Meu namorado italiano me disse que se joga o absorvente na lixeira da cozinha mesmo... =/ Das 2 vezes que estive lá não peguei essa época de menstruação por tomar a pílula, mas não deve ser legal sair com aquele negocio na mão pra levar na cozinha...
    Muito legal o blog, parabéns!

    ResponderExcluir
  12. Oi, Carla

    Gostei da serie "Por aqui é diferente". Nao conhecia as outras partes ainda.

    Também nao acho muita variedade de sabonete em pedra, so liquido mesmo. Mas tem marcas conhecidas no Brasil como Dove, Nivea e Palmolive a preços mais convenientes até (como das duas primeiras marcas).

    No meu banheiro tem cestinho para absorventes, cotonetes, fios de cabelo e outros lixos. Nos banheiros publicos também. Mas ja vi casas onde nao tem o cestinho (ja precisei de um para jogar o absorvente e me deu muita vergonha de pedir para os donos da casa!). Papel higienico eu jogo no vaso mesmo, mas é um habito que adquiri aqui. Ja ouvi dizer que é preferivel joga-lo na privada mesmo porque, diferentemente do Brasil, os aterros sanitarios sao menores em vista do tamanho do pais. Além do mais, os papeis sao mais biodegradaveis (pode notar que nao tem papel tipo Primavera aqui).

    Italiana descabelada é coisa rara. Ja vi em Milao e em outras cidades grandes, mas sao poucas. A maioria tem cabelos impecaveis, com cortes da moda e alisados também. Muitas delas ja me disseram que no inverno alisam e no verao deixam mais natural. Outra coisa que notei: elas nao saem com os cabelos molhados no verao como nos brasileiras. Nem usam cremes que deixam o cabelo nojentinho.
    Quanto ao rodo, nunca achei aqui na Lombardia, so na Sicilia. Para passar pano umido no chao, uso o moccio ou aquela especie de "vassoura" para os panos anti-estaticos.

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Esqueci de parabeniza-la pelo novo layout do blog. Ficou muito bonito!
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Nossa Leila, na cozinha é demais né? hahah
    Ju, além de achar pouca variedade de sabonete em pedra eles não são muito perfumados, não saímos do banho com aquele cheirinho de banho hehe.. tenho usado o líquido por ter mais variedades. Eu também coloquei um cestinho no meu banheiro, senão não dá né? rs. Então, por aqui vejo a maioria descabelada, dia de semana indo para o trabalho, talvez para sairem se arrumem mais.. rs.
    Achei um rodo hoje na feira e comprei. Isto também é coisa rara, porque só com o mocio não dá pra secar direito né? beijos

    ResponderExcluir
  15. Ah! Obrigada Ju, fiquei com medo de ficar parecido com o seu. Mas acho que não né? E que nuvens, céu, fica fácil de associar com sonhos né? beijos

    ResponderExcluir
  16. Acho que nunca vi rodo por aqui! E' tao util... por falar nele, preciso encontrar uma tecnica para lavar as varandas de casa sem que molhe os jardins dos vizinhos. Porque so usar o mocio nao limpa bem.

    Eu gostei do layout do seu blog, principalmente porque tem tudo a ver com o titulo. Nao ficou parecido com o meu e, se ficasse, nao seria culpa sua, ja que uso um layout publico do blogger mesmo. Alias, ja tive outros antes do atual, que foi escolhido inspirado na famosa musica do Modugno ("Nel blu dipinto di blu") e nas paisagens primaveris.

    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Adorei esta parte das diferenças e nao poderia deixar de elogiar! Adorei mesmo...
    A pior parte pra mim e que aqui na nossa casa o chuveirinho fica muito baixo e pra tomar banho sentado na banheira, mas aff...nao consigo. Pra lavar o cabelo e horrivel e eu sou friorenta, gosto da agua quente na minha cabeça. tenho saudade do chuveiro eletrico que esquenta rapidinho...
    Estou com voce com relaçao as mulheres mais descabeladas...rsrs. Eu percebi isso aqui, nao e que todas sao assim, muitas ficam impecaveis, mas muitas descabeladas, mais que no Brasil eu achei...mas e legal, aqui me sinto mais a vontade com meus cachos...
    Quando cheguei aqui ja comprei um cestinho para o banheiro, meu marido morava sozinho e nao tinha...
    Como pode ser tao diferente, nao pensei que fosse tanto...bom...por isso digo que estou em fase de adaptaçao...

    ResponderExcluir
  18. Achei super legal essa sua ideia de postar as diferenças entre os dois paises... quando vamos morar fora, realmente nos assustamos com algumas coisas e com outras acabamos nos acostumando... parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
  19. Absorvente no lixeiro da cozinha é o cùmulo!mas é assim mesmo.
    E se vc estiver visitando alguém ou recebendo visitas vai ter que passar pelos donos da casa com aquele negòcio na mao, meeesmo! Macacada.

    ResponderExcluir
  20. Ola sonho na italia,
    Outra coisa diferente e que vc vai estranhar se ainda nao participou de uma, é a ceia de natal deles. Na realidade é um almoço feito no dia 25 de dez. e nao tem peru como no Brasil e EUA:))) pode???????????????????????????????????
    putz
    tchau
    B.B

    ResponderExcluir
  21. Concordo com Franco, abaixo ao papel na lixeira!!! rs. Mas, bem colocado Carla, sempre tenho a mesma angustia, para onde vai o absorvente e cotonete?? Sempre tenho um saquinho de lixo diário no meu quarto quando estou na casa da minha família, vai uma dica....
    Aiii é mesmo, nem me dei conta da falta do peru. E o Ano Novo, vamos combinar é meio sem graça.... Mas, amoooo a Itália, um dia ainda moro lá!!!! Ana Pelosi

    ResponderExcluir

Obrigada por participar!
Seu comentário será publicado após a aprovação. :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...