5/31/2016

Brasileiros em Roma - 6º encontro

Domingo passado foi o 6º encontro do grupo Brasileiros em Roma, ativo no Facebook. 

Fizemos novamente um picnic na Villa Borghese (foi nosso 3º picnic no local). 

O grupo, do qual sou uma das administradoras, nasceu em 2013 durante a organização para as manifestações em apoio aos protestos realizados pelos movimentos sociais no Brasil, contra a repressão policial,  no mês de Junho de 2013.
Ali reunimos um bom grupo e levamos adiante essa amizade a fim de unir todos os brasileiros em Roma. 

5/25/2016

Realizando meu sonho na Itália - meu livro publicado

"Meu nome é Francine Arioza, tenho 24 anos nasci em Rio Preto mas moro na Itália há mais de 11 anos, mais especificamente em Roma.

Sou graduada em Interpretação e Tradução, falo 5 idiomas e trabalho como professora e intérprete aqui em Roma. 

Sou professora de português na Aeronáutica italiana e na Scuola internazionale di lingue e escrevo também para uma revista e sites.

Consegui me tornar uma escritora aqui na Itália, o que era meu sonho, e já tive meu primeiro livro publicado.


5/19/2016

Manifestação em Roma - Fora Temer! Temer Jamais!

Hoje eu, junto com os brasileiros em Roma saio às ruas para manifestar contra Michel Temer na presidência do Brasil, contra o golpe, a perda de direitos e benefícios adquiridos pelo povo e em defesa da democracia!

Convido a todos que estão em Roma a protestar com a gente!

A Luta continua!

#maiTEMERe
#alutacontinua
#fuoriTemer
#foraTemer
#pelademocracia
 #nãovaitergolpe


5/06/2016

Trabalhar como autônomo na Itália

Trabalhar por conta própria

A partita IVA é um registro para trabalhadores que desenvolvem uma atividade ou prestação de serviço de maneira profissional e autônomo (IVA: Imposta sul Valore Aggiunto).

Uma atividade autônoma é desenvolvida sem nenhum vínculo de subordinação, como acontece com quem trabalha registrado com um contrato subordinado a um empregador.

O funcionamento da IVA prevê a obrigação da empresa ou profissional que fornece o bem ou presta um serviço no país, de debitar o imposto ao próprio cliente de forma proporcional.

5/04/2016

Estudar italiano em Roma - Onde?

O que precisa para estudar italiano?

Quem vem do Brasil como turista e vai passar só 3 meses por aqui estudando italiano, não necessita de visto. Basta se matricular pelo site da escola, pagar a taxa de matrícula e o valor do curso. Além disso, as escolas ajudam a encontrar acomodação, seja em casa de família, com outro estudante em algum apartamento, ou até mesmo em hotel/albergue. Também oferecem translado do aeroporto até a sua nova casa.

Quem vem passar mais de 3 meses, pode requerer o visto de estudante de longa duração por meio da escola. Depois que você fizer a inscrição pelo site e ter pago o curso (intensivo) ou parte dele (extensivo), a escola enviará o certificado de inscrição. Com este e outros documentos necessários, é possível requerer o visto de estudo no consulado da Itália da região de residência no Brasil. Caso o visto seja negado, a escola poderá reembolsar o valor do curso exceto a taxa administrativa (verifcar o contrato pois este varia de escola para escola), se avisar com 30 dias antes do inicio das aulas.

Já aqueles que vêm para a Itália estudar em uma Universidade, normalmente estas oferecem cursos de italiano para os alunos estrangeiros, por isso, informe-se.


4/29/2016

Curso superior na Itália - como procurar


Está querendo fazer faculdade na Itália e quer saber como começar a procurar um curso? Vamos lá!

A melhor procura é diretamente nos sites das universidades. Porém, há sites que reúnem todos os sites de universidades, e aí fica mais fácil encontrar curso, região de interesse, etc.

Vejamos alguns deles:

Università Italiane – Este é o mais interessante na minha opinião. Pois se você já sabe aonde você vai, qual região, qual província, então fica muito mais fácil. Clicando na região, aparecem as províncias que possuem universidades e, clicando nelas, aparecem as universidades, os links para sites e tal. Quando se clica na universidade de interesse, aparecem todos os cursos que lá são ministrados. Ou seja, não é preciso perder tempo entrando num site de uma universidade que não tem o curso que você deseja. Daí é meio caminho andado.


4/27/2016

Cursar ensino superior na Itália é possível? O que é preciso?


Estudar em um outro país também é o sonho de muitos brasileiros.

Além de ser uma experiência enriquecedora é um up no currículo, com certeza.

Quer estudar na Itália? 

Veja o que é necessário de acordo com o nível de escolaridade.

4/23/2016

Como continuar os estudos na Itália?

Segundo a Constituição Italiana:

"I minori stranieri comunque presenti sul territorio italiano hanno il diritto e il dovere all’istruzione; per essi valgono i principi di vigilanza sull’adempimento dell’obbligo scolastico. Le scuole pubbliche sono tenute ad accoglierli".

Portanto, todos os menores estrangeiros em idade escolar obrigatória (máximo 15 anos) presentes no território italiano têm o direito e dever de estudar (mesmo se tiver ilegal no país). As escolas públicas têm que lhes acolher!

Por isso, se você não terminou os estudos no Brasil e quer continuar estudando ao chegar na Itália, saiba que é possível (mesmo se você tiver mais de 15 anos, como falarei mais adiante).

Quem tem até 15 anos é só realizar a inscrição em uma escola, com os seguintes documentos:

4/22/2016

Quais e onde estão os hospitais públicos de Roma?

Roma tem dezenas de hospitais, cada um com sua especialidade.

Normalmente os atendimentos são agendados de acordo com o seu endereço de residência. Mas não quer dizer que você não possa ir em um outro endereço, principalmente quando se trata de emergência.

Nesse caso, basta ir ao Pronto Socorro do hospital mais próximo de onde você se encontrar ou no caso de uma emergência específica (olhos, ortopedia, etc), o ideal seria ir no Pronto Socorro do hospital desta especialidade (mas não obrigatoriamente). 

O atendimento no Pronto Socorro é gratuito em caso de emergência (casos graves de acidente por exemplo), e seguem uma classificação por códigos:


4/21/2016

Aniversário de Roma: 2769 anos

Roma completa hoje, 22 de abril, 2769 anos desde a sua fundação (segundo a “lenda”, Romolo a fundou em 753 a.C). 

Esta comemoração é conhecida como “Natale di Roma”,  “Romaia" ou "Dies Romana”.

Roma a capital da Itália e vem definida como “Cidade Eterna”, mas também como “Caput fidei” (capital da fé), “Caput mundi” (capital do mundo”, Cidade Santa, Cidade da Água (pelas suas fontes, os dutos, a simbiose com o rio Tevere (Tibre) e a grande disponibilidade de água em geral).

É extensa e populosa, tem mais de 2 milhões e 600 mil habitantes.

Roma é uma cidade infinitamente mágica e cheia de história, em cada pedacinho seu.

E para comemorar os 2769 anos,  a Capital tem a agenda cheia de eventos. 

4/15/2016

Onde comprar produtos brasileiros em Roma?

Alimentação - Onde comprar produtos brasileiros?

Umas das primeiras fases de adaptação ao chegar em outro país é a alimentação. Tudo bem que na Itália "si mangia bene", mas sempre tem a hora que bate a saudade da comidinha caseira da mamãe.

E tem gente que não consegue ficar mesmo sem o "arrozinho com feijão" nosso de cada dia, mesmo estando vários anos na Itália.

Nos mercados tradicionais italianos não se encontra de tudo que estamos acostumados no Brasil. Tem arroz, mas não tem feijão como o nosso, tem leite condensado mas não é igual ao nosso e custa o olho da cara, enfim...

A solução é procurar as coisas que estamos acostumados a comer no novo país de morada (logo assim que acabar o estoque que veio na mala! :D).

4/12/2016

Primavera e Verão - aproveite os parques de Roma

Primavera e verão são as estações perfeitas para estar ao ar livre, seja em parques, praças ou jardins.

E já que o clima em Roma não judia muito, até no outono inverno dá pra aproveitar, se você estiver aqui só esta época.

Há lugares públicos, ou seja, abertos e gratuitos e os locais privados (e pagos), como as vilas.

O que visitar gratuitamente em Roma

4/07/2016

PiuCulture - Os imigrantes e os estereótipos: o ponto de vista de uma brasileira

Há alguns meses comecei um curso de Web Jornalismo, chamado Infomigranti, que é gratuito, entre um seleto grupo de estrangeiros jornalistas e não, selecionados pelo Intersos e a redação do jornal online PiuCulture

O jornal é focado no jornalismo social, principalmente no que diz respeito à imigração e à vida dos imigrantes no Municipio 2 de Roma. 

Estou aprendendo muito! Tanto na questão de escrever melhor, como editar e entrevistar! 

Há algumas semanas foi ao ar um artigo meu, na verdade parte dele, porém está lá!

Eu falei sobre estereótipos, e claro, entrevistei uma brasileira, por sinal amiga minha. 

Poder ler o artigo no original em italiano lá no PiuCulture, mas vou reproduzir a tradução aqui:

Brasil com Z: Como trabalhar na Itália

A Itália é destino de uma grande parte de brasileiros que sonham em morar em outro país, principalmente para trabalhar.

Mas é só chegar? Não, infelizmente não é assim que funciona. Quem não tem cidadania europeia ou nenhum outro visto legal, não pode entrar na Itália como turista e procurar um emprego.

Para trabalhar legalmente na Itália é preciso ter um visto regular e assim, um Permesso di Soggiorno na validade.

Sim, é verdade que existem milhares de brasileiros que estão ilegais no país e trabalhando, porém isso não é recomendado, viver na ilegalidade é ter uma vida limitada e, principalmente, sem direitos.

Quem pode trabalhar trabalhar legalmente:

4/01/2016

Cultura em Roma: Museus grátis

Museus grátis em Roma


Gosta de fazer passeios gratuitos?
E quanto se trata de cultura grátis, nada melhor do que ir aos museus sem pagar nadinha! 

Esses são os museus gratuitos para todos em Roma:

- Museu Andersen e suas maravilhosas esculturas, de terça à domingo das 9 às 19:30. Fica na Via Pasquale Stanislao Mancini, 20.

- Museu Boncompagni Ludovisi - Museu de arte decorativa e moda. Fica na Via Boncompagni, 18.

3/31/2016

Encceja - Inscrições para brasileiros no exterior


Quer concluir os estudos????


Terminam dia 3 de abril as inscrições para o Exame Nacional de Certificação de Competências (Encceja) de 2016 no exterior.


O exame é destinado a brasileiros residentes fora do país que não puderam concluir o ensino fundamental ou o ensino médio na idade esperada. No Japão e na Guiana Francesa, em específico, serão abertas também as inscrições para pessoas privadas de liberdade (Encceja PPL).

3/30/2016

Salário médio na Itália

Sabia não existe um salário mínimo fixo geral aqui na Itália? 

Existem acordos de valor mínimo estipulado por categorias de serviços.

Estatisticamente falando, existe uma tabela com valores médios de salários dependendo da qualificação do empregado ou tipo de serviço, como os dados disponíveis no site Il tuo salario, que são de julho de 2015 (e não muda muito a medida que o tempo passa).

Quanto se ganha na Itália?

3/27/2016

Permanência na Itália: como pedir o Permesso di Soggiorno?


Permesso di Soggiorno

Quem pediu um visto no consulado italiano e entrou na Itália com esse visto regular (de família, trabalho, estudos ou outro tipo), tem até 90 dias, contando da data de entrada na Itália, para entrar com o pedido do Permesso di Soggiorno (a permissão de permanência).

Quem entrou como turista (sem visto no passaporte) e, tem direito à permissão de família, tem 8 dias da data de entrada no país para dar entrada no documento, através do Kit giallo dos correios "Poste Italiane", em uma agência que tenha o Sportello Amico.

3/26/2016

Como faço para me casar na Itália?



Casamento na Itália



Qual o procedimento para realizar um casamento entre um cidadão brasileiro e um cidadão italiano ou entre dois brasileiros regularmente presentes na Itália (com permesso di soggiorno)?

Quem se casa na Itália mesmo se é estrangeiro, está sujeito às leis italianas de direito familiar. Para se casar aqui com um cidadão italiano ou um estrangeiro, não precisa ter o permesso di soggiorno, precisa apenas de um documento de identidade válido (por exemplo o passaporte). Porém um dos dois deve ser residente no país.

O que deve ser feito?

3/24/2016

Como faço para trabalhar na Itália tendo um passaporte europeu que não é o italiano?

Tenho passaporte europeu mas não é italiano, posso trabalhar na Itália?

Se você for um cidadão europeu, mas sua cidadania não é a italiana, e o período que deseja ficar na Itália for inferior a três meses, basta entrar com o documento de identificação do país UE de proveniência. 
Se a intenção é ficar mais tempo (mais de 3 meses) por exemplo, é preciso pedir um permesso di soggiorno. 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...