quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Concurso público na Itália, como funciona?

Foi publicado essa semana o edital de concurso público para quase 900 vagas da Agenzia delle Entrate, para atividades administrativas-tributárias. 

O salário inicial é de 1460,00 Euros e os candidatos têm que ser formados em Direito, Economia e Comércio ou Ciências Políticas.

Outro requisito indispensável é ser cidadão italiano e, claro, residir na Itália, além de estar regular com as leis e idôneo para exercer a profissão. 

Cidadãos italianos com títulos de estudos obtidos em outros países podem concorrer se tiverem os títulos equivalentes, os seja, ter fato a equipollenza em uma universidade italiana. Não bastaria portanto, só o reconhecimento da profissão como eu fiz. O reconhecimento deve ser acadêmico e não profissional. Para saber mais sobre a equipollenza, clique aqui no site oficial do MIUR.



Curiosidades do processo seletivo deste concurso público em específico:

- 20% das vagas são para funcionários internos, que ocupam atualmente outros cargos;
- Tem uma prova escrita geral e outra de caráter específico profissional;
- Tem uma prova oral em uma língua estrangeira a escolher (francês, inglês, alemão ou espanhol);
- Tem um período de estágio retribuído, pelo período de 6 meses, seguido de uma prova oral final para a admissão oficial e definitiva; 
- Durante o período de estágio, os candidatos podem se ausentar sem redução da bolsa salário por: 10 dias por motivos pessoais, 3 dias por motivos familiares e 1 dia por doação de sangue (portanto, 14 dias de faltas justificadas em 6 meses).

Achei interessante a questão do estágio de prova. Importante, pois somente uma prova teórica não avalia o candidato né? No Brasil poderia também ser adotado. 

Para ver o edital oficial do concurso, clique aqui.

Quem sabe aparece um concurso para químicos.. Até lá já tenho minha cidadania italiana!

:)

Baci a tutti!   

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

100 grandes invenções italianas - 2ª Parte

Em 2011 a Focus.it publicou as 100 grandes invenções italianas. Mostrando no curso de 150 anos grandes invenções e descobertas realizadas por italianos.
Continuando com a lista (se você não viu a 1ª Parte com 50 grandes invenções clique aqui), aí estão as outras 50 (e mais bônus)!



51 - Em 1933, um aparelho melhorado por Giuseppe Occhialini confirma a existência do pósitron, partícula de antimatéria.

52 - Em 1935, Carlo Antonio Ferretti obtém uma fibra sintética a partir da caseína (uma proteína), e a chamou de Lanital.

53 - Em 1935, Tullio Campagnolo inventou o moderno câmbio de bicicleta (que leva seu sobrenome).

54 - No mesmo ano, o farmacologista Vittorio Erspamer isola a serotonina, substância que regula, entre outras coisas, o sono, o humor e o apetite.

55 - Ainda em 35,  o siciliano Gaetano Fuardo aperfeiçoa a gasolina sólida e não inflamável;

56 - No mesmo ano ainda, Gino Modigliani, para a Olivetti, projeta uma máquina de escrever que torna visível o texto enquanto está sendo escrito.



57 - Em 1936 o alpinista Vitale Bramani finaliza uma sola de borracha vulcanizada, adequada para todos os tipos de escalada: a Vibram.

58 - Em 1937, Teseo Tesei aperfeiçoa um aparelho de respiração para debaixo d'água que permite ficar imerso por horas.

59 - Em 1938, Enrico Fermi recebeu o Prêmio Nobel pelas pesquisas sobre energia nuclear.

60 - O primeiro a projetar uma scooter foi o engenheiro Corradino D'Ascanio, de Abruzzo. Graças ao seu design original, a capacidade de manobrar e a sua condução inovadora, a Vespa foi um sucesso global. Desde 1946 (o ano da estreia) até à data, já vendeu mais de 17 milhões.



61 - Primeiros anos da década de 40: graças a De Sica e Rossellini nasceu o Neorealismo, o que vai influenciar todo o cinema mundial.

62 - Em 1944 a primeira máquina de sorvete automática é desenvolvida e colocada no mercado por Bruto Carpigiani.

63 - Em 1947 o Cisitalia 202 é construído pela Pininfarina. Será o primeiro carro em exibição em um museu de arte (o MoMA, em Nova York).



64 - Final dos anos 40, o técnico Nereo Rocco, de Trieste leva ao sucesso o sistema que prevalece o sistema defensivo no futebol, é o "calcio all'italiana".

65 -  No início dos anos 50, o químico Giulio Natta criou o polipropileno, um material plástico leve e durável, que viria a ser conhecido pelo nome comercial Moplen.

66 - Em 1952 Paolo Della Porta cria o "getter", um aparelho para obtenção de alto vácuo, que é essencial para o futuro da eletrônica de consumo.

67 - Em 1955 o físico Emilio Segre, junto a Owen Chamberlain, descobriu o antipróton.

68 - Em 1956 a Fiat lança a primeira "minivan": a 600 Multipla, que cabe cinco passageiros mais o motorista.

69 - Em 1956, Candido Jacuzzi (um engenheiro que emigrou para a América) projeta equipamentos de hidroterapia para o filho que sofre de artrite reumatóide, dos quais nasce a banheira de hidromassagem.

70 - Em 1957: Estréia Carosello, a "publicidade teatral" concebida por Luciano Emmer.



71 - Em 1958 nasce o prêt-à-porter, roupas criadas em tamanhos padrão. A ideia do designer florentino Emilio Pucci.

72 - Em 1959,  Peter Speck apresenta o Cinebox, uma jukebox com tela que também mostra videoclipes das canções.

73 - Federico Faggin está segurando um microchip, inventado por ele (que é engenheiro) em 1971 para o Intel americana, este componente eletrônico miniaturizado ainda hoje é o "cérebro" do computador.

74 - Em 1962 Olivetti lança o P101, uma calculadora com impressora. Apelidada de Perottina em homenagem ao designer Pier Giorgio Perotto, é considerada o primeiro computador pessoal.

75 - Em 1963 o geneticista Luigi Luca Cavalli-Sforza aplica às populações humanas leis da genética de populações para descobrir o movimento no tempo e no espaço da nossa espécie.

76 - Em 1964 no estabelecimento de Ferrero de Alba (Cn) toma forma Nutella, creme de chocolate e avelãs.


77 - Em 1969 o biólogo Salvador Luria recebeu o Nobel por seu trabalho sobre vírus e bactérias, base da biologia molecular.

78 - Em 1971 a empresa Tecnica lança as Moon Boot (botas lunares), botas para neve que lembram as de astronautas.

79 - Em 1975, Renato Dulbecco recebe o Prêmio Nobel de Medicina por suas descobertas sobre a relação entre vírus tumorais e células.

80 - Em 1975, Giorgio Armani projeta uma "jaqueta desestruturada", com leveza nos elementos rígidos.

81 - A DeLorean DMC-12, carro desenhado por Giorgetto Giugiaro em 1986, foi produzido em poucos exemplares, mas se tornou muito famosa graças ao filme "De volta para o Futuro".



82 - Em 1982,  Nicola Ielpo inventa a moeda bimetálica, uma tecnologia que será aplicada às 500 liras, e em seguida, às moedas de 1 e 2 euros.

83 - Em 1983 a equipe de Carlo Rubbia no CERN identifica as partículas W +, W-, Z0.

84 - Em 1984, Antonio Dal Monte inventa rodas lenticulares com que Moser bater o recorde.

85 - Em 1985 o economista Franco Modigliani recebe o Prêmio Nobel por sua teoria do "ciclo vital".

86 - Em 1986, com a descoberta do "fator de crescimento neural" que Rita Levi-Montalcini levou o Prêmio Nobel de Medicina.

87 - Em 1986 a designer milanesa Nanni Strada inventa o vestido "torchon", todo enrugado.

88 - Em 1989 a Ferrari apresenta um carro com o câmbio reduzido em duas alavancas atrás do volante. Dez anos depois será utilizado nas ruas.

89 - Quem introduziu o conceito de cartão (ou chip) recarregável para celular foi a Telecom Itália Móvel (agora Tim) em 1996. O Tim Card trouxe a possibilidade de fazer uma série de telefonemas, em troca de uma taxa paga antecipadamente. Era a despedida (ou quase) da conta telefônica e o boom da telefonia móvel.


90 - No início dos anos 90, o plástico biodegradável Mater-Bi é inventado por Bastioli para Novamont. É derivado de amido de milho, trigo e batata.

91 - Ainda no início dos anos 90, o padrão de compressão de vídeo MPEG, foi projetado pelo engenheiro Leonardo Chiariglione.

92 - Em 1991 o imunologista Rino Rappuoli propõe uma nova abordagem para a criação de vacinas, a vacinologia reversa.

93 - Em 1995, Mario Moretti Polegato patenteou uma sola de borracha microporosa que permite sair o suor, mas não permite entrar água: é o alvorecer da Geox.



94 - Em 1995 Giacomo Rizzolatti e seus colaboradores descobriram neurônios espelho, que são ativados quando fazemos algo, mas também quando vemos alguém fazer os mesmos gestos.

95 - Em 1997 a Alfa Romeo apresenta o common rail, um sistema de alimentação que reduz o consumo de combustível e a poluição.

96 - Em 1997, Massimo Marchiori cria o Hyper Search, um motor de busca do qual nascerá o Google.

97 - Em 1998, em Lyon, o cirurgião Marco Lanzetta faz parte da equipe que fez o primeiro transplante de mão.

98 - Um dos "segredos" que fizeram o sucesso do Nintendo Wii é um acelerômetro 3D micro, no qual é baseado o seu sistema de controle original. O acelerômetro que foi adotado em muitos outros dispositivos eletrônicos (como o iPhone), foi concebido no início do século XXI, pelo grupo de Bruno Murari, da ST Microelectronics, que fica em Agrate Brianza.

99 - Em 2002, Riccardo Giacconi recebeu o Prêmio Nobel pela descoberta do raio-X cósmico.

100 - Em 2002 a Enel, com a IBM, lançou o primeiro balcão "inteligente", capaz de calcular o consumo de energia do cliente à distância.


Querem mais! Então vai um bônus (porque os italianos estão sempre criando alguma coisa!):


101 - Em 2002 o grupo de Claudio Bordignon usa células-tronco para tratar doenças genéticas.

102 - Em 2004, uma nova técnica de construção é patenteada por Enrico Dini. É chamado de D-Shape, e é inspirado na impressão 3D.

103 - Em 2005, na Interaction Design de Ivrea,  nasce Arduino, o primeiro hardware de código aberto que qualquer um pode editar ou programar;

104 - No mesmo ano o grupo Arts de Paolo Dario concebe uma mão robótica capaz de "sentir" como as mãos naturais.

105 - Em 2007, Mario Capecchi recebe o Prêmio Nobel por seus estudos sobre o uso de células-tronco.

106 - Em 2008 a empresa Mectex, de Como,  cria maiôs para a Speedo com tecido especial que reduz o atrito na água em até 10%. Foi usado por atletas nas Olímpiadas da China ajudando os atletas a baterem todos os recordes.



107 - Em 2012 é lançado o Vega, primeiro lançador espacial "made in Italy", produzido pela Avio para a Esa.


E de 2012 pra cá, o que será que foi inventado pelos italianos???

Será que alguém fez uma lista brasileira parecida?
Temos muitos talentos no Brasil também, precisamos valorizá-los!

Baci a tutti!

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

100 grandes invenções italianas - 1ª Parte

Em 2011 a Focus.it publicou as 100 grandes invenções italianas. Mostrando no curso de 150 anos grandes invenções e descobertas realizadas por italianos.
Como adoro esse tipo de curiosidade, reproduzo hoje para vocês aqui no blog.



1 - Em 186 Abbot Giovanni Caselli inventa o pantelegrafo, precursor do fax. 

2 - Em 1865 Antonio Pacinotti apresenta o dínamo, uma máquina que converte o movimento em eletricidade.



3 - Em 1866 Enrico Bottini introduz a desinfecção de feridas e instrumentos cirúrgicos com uma solução de ácido carbólico. 

4 - Em 1867 o astrônomo Giovanni Schiaparelli descobre a origem das estrelas cadentes.

5 - Antonio Meucci em 1871 apresentou uma patente temporária de um teletrófono, aparelho precursor do telefone, invenção até 2002 atribuída a Alexander Bell.

6 - Em 1873 Paolo Porta patenteou uma escada auto-sustentável e portátil, para os bombeiros.

7 - No mesmo ano, Camillo Golgi evidencia a estrutura do neurônio. 

8 - Em 1876, ao reparar seu acordeão, Mariano Dallapè também traz algumas melhorias: nasce o acordeão diatónico de gaveta. 

9 - Em 1878 Benvenuto D'Alessandro inventa uma bolsa inflável para usar como um salva-vidas.

10 - No mesmo ano,  Antonio Michela Zucco patentea um teclado em duas partes para a taquigrafia.

11 - Em 1880, cinco meses antes de Edison, Alexander Cruto desenvolveu uma lâmpada incandescente. 

12 - Em 1882 o médico Carlo Forlanini inventa um pneumotórax artificial; 

13 - No mesmo ano,  Karl Benz e Enrico Bernardi aperfeiçoam um motor de combustão a gasolina, a Motrice Pia.

Motrice Pia (lascienzaneimusei.it)


14 - Em 1884 Angelo Moriondo, gerente hotel em Turim, inventa a máquina de café expresso. 

15 - Em 1885 o piemontese Giovanni Gilardini patenteou um guarda-chuva com abertura automática. 

16 - Em 1886 Don Antonio Bonino patenteou o evaporímetro, para medir a umidade.

17 - No mesmo ano, Giovanni Battista Marzi instalou no Vaticano a primeira central telefônica automática (gerenciava dez números).

18 - A pizza Margherita foi concebida, de acordo com uma reconstrução temperada com uma pitada de lenda, por um pizzaiolo napolitano que queria celebrar - com o "tricolor" manjericão, mussarela e tomate - a chegada da rainha Margherita de Sabóia em sua visita à Nápoles. Era o ano de 1889.



19 - O esfigmomanômetro, o aparelho para a medição da pressão sanguínea, foi inventado em 1896 pelo médico Scipione Riva Rocci piemontês que nunca quis patenteá-lo, dando-se qualquer oferta de exploração comercial.

20 - Em 1890 foi criado um jogo de palavras cruzadas (sem casas pretas) pelo jornalista Giuseppe Airoldi Lecco.

21 - Em 1894, Filoteo Alberini debuta o kinetógrafo, precursor do cinema.

22 - Em 1895, Guglielmo Marconi toca um sino pressionando um transmissor remoto, vindo assim o rádio.

23 - Em 1896 o bacteriologista Giuseppe Sanarelli  isola o  Bacillus icteróides de pacientes com febre amarela.

24 - Em 1901 o educador Maria Montessori Marche desenvolveu um método de ensino baseado na liberdade e interação com o meio ambiente.

25 - Em 1902, Giuseppe Mercalli expõe à comunidade científica a escala sísmica que leva seu nome.

26 - Em 1903 um sorveteiro italiano que emigrou para Nova York, Italo Marchioni, serve sorvete em um cone de waffle.



27 - Em 1905 a energia geotérmica é usada para produzir eletricidade em Larderello (Pisa).

28 - Em 1907, Alessandro Artom constrói antenas para a recepção de ondas de rádio uni-direcionais (localizador).

29 - Em 1909 o clérigo Luigi Cerebotani debuta o teletipógrafo, antes chamado telescrivente.

30 - Em 1909, Filippo Tommaso Marinetti fundou o Futurismo.

40 - Em 1910 o médico Luigi Devoto funda em Milão a primeira Clínica do Trabalho, dedicada às doenças profissionais.

41 - No mesmo ano, Domenico Pacini físico contribui para a descoberta dos raios cósmicos.

42 - Em 1914, no filme Cabiria, o diretor John Pastrone tem a ideia da gravação em plano sequencial.

43 - Em 1921 o demógrafo Corrado Gini cria um índice para medir a desigualdade das rendas das nações.

44 - Em 1924 foi a inauguração do primeiro trecho da Milano-Varese (A8 hoje), a primeira estrada no mundo.

45 - Em 1926 o matemático Vito Volterra estabelece um sistema de equações que descreve o equilíbrio presa-predador em um ecossistema.

46 - Estranho, mas verdadeiro, um dos chocolates mais famosos do mundo nasceu (em 1922) por acaso, para reciclar os resíduos do processamento de outros produtos da Perugina. No início era chamado Punção (Cazzotto - para a forma que se assemelhava a um punho fechado), mas a mudança de nome trouxe sorte para Bacio e sua criadora, Luisa Spagnoli (uma das fundadores da Perugina), que se tornou famosa como uma empreendedora de moda.



47 - A Moka foi inventada por Alfonso Bialetti em 1933. O dispositivo, feito de liga de alumínio e baquelite, teve o seu nome da cidade yemenita de Mokha , onde se produzia uma qualidade de café.

48 - Em 1930 o primeiro helicóptero voa por 8 minutos e 45 segundos, é o DAT3 Corradino D'Ascanio.

49 - Ainda em 1930 foi experimentado o cimento armado leve por Pier Luigi Nervi;

50 - Mais uma em 1930: a nutricionista Franco Piroddi observou a validade da dieta mediterrânea.

Longa lista não?
As outras 50 ficarão para o próximo post! (Leia aqui a 2ª Parte)


Baci a tutti!

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Quirinal - O palácio do presidente da república italiana abre ao público

O Palácio do Quirinal (Palazzo del Quirinale),  residência oficial do presidente da república italiana que fica no coração de Roma, que antes só se podia visitar em ocasiões especiais ou em excursões fechadas e raríssimas, agora abrirá ao público. 
A decisão foi do novo presidente italiano, Mattarella. 

Nós tivemos a oportunidade de visitá-lo em uma excursão para o grupo de estudantes brasileiros do programa Ciência sem Fronteiras que estão em Roma. A visita foi com guia que ia explicando a história do lugar, de cada cômodo e para que era usado atualmente. Foi ótimo!


O palácio é símbolo da Itália e de Roma. Começou a ser construído em 1583, a pedido do Papa Gregorio XIII,  tem 110 mil m², é o 6º maior palácio do mundo e o maior palácio sede de governo, do mundo todo (a Casa Branca, dos EUA é 20 vezes menor!!).

É composto de inúmeros cômodos repletos de obras de arte, entre móveis antigos, relógios, porcelanas, tapeçaria, estátuas e pinturas. 

Pra se ter uma ideia, obras da era romana são usadas para decorar o palácio, inclusive parte do piso de mosaico das antigas termas romanas estão lá!

O palácio abriga também um lindo e enorme jardim de 4 hectares.

Um dos salões do palácio

Jardim

Esse quadro é um mosaico de minúsculos fragmentos de madeira. 

Para saber mais sobre o palácio e visitação, além de fazer uma visita virtual, visite o site oficial do Quirinal clicando aqui. 

Vale super a pena!

Baci a tutti!




domingo, 22 de fevereiro de 2015

Modelo italiano vence o Elite Model Look 2014

James Parker foi o vencedor do famosíssimo concurso de modelos, o Elite Model Look, do ano passado. O resultado do concurso saiu em dezembro e passou sem eu deixar registrado aqui no blog. 



James, de 19 anos, 1,89 m de altura, filho de mãe italiana de Abruzzo e pai inglês (por isso o nome nada italiano e, acredito eu, genes da beleza pois os italianos repito, não são assim! rs), foi o grande vencedor. 



A vencedora da categoria feminina foi a Tcheca Barbora Podzimkova, de 15 anos e 1,80 m de altura. 

Entre todos os finalistas tinha também duas meninas italianas, uma delas, Greta Varlese, 1,86 m de altura e 16 anos,  italiana mas que vive atualmente na Suíça, ficou no Top 10 de modelos da Elite. 


Não tinha nenhum brasileiro ou brasileira entre os 65 finalistas. Coisa rara!

Baci a tutti!

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Sonhos na Itália - 17º - International Exchange & Experience Blog

O blog ficou entre os 100 melhores blogs do mundo sobre experiências internacionais, ocupando a 17ª posição entre 300 blogs selecionados!


Quero agradecer a todos que votaram!

Sem vocês isso não seria possível!

E agradeço por acompanharem sempre!

Grazie a tutti!

Vejam aqui a lista. Tem bastante brasileiro no meio e isso é muito legal!

Pegadinhas da língua italiana

Italiano, língua latina como o português. 
Algumas pessoas acham que dá pra vir para a Itália sem saber nada de italiano e se virar no "portuliano". Pois é, não é bem assim. Muita coisa é totalmente diferente, como palavra e no seu uso. Outra parecem iguais mas..... Pegadinha! Podem até ser bem vergonhoso usá-las... Vediamo...



- abito - Não, não é usada para dizer que se está acostumado a fazer algum tipo de atividade, como hábito em português. Além de ser a conjugação do verbo abitare = morar na primeira pessoa, abito quer dizer também "vestido".

- apposta - Não é a aposta na loteria, ou aquela que se faz com um amigo. Apposta é de propósito. Fazer algo de propósito. Apostar na loteria é scommettere, fare una scommessa. 

- asilo - Não é o lar para idosos. Asilo quer dizer "creche", escolinha para crianças até 3 anos. Lar para idosos é casa di riposo.

- autista - Não, não é a pessoa que sofre de autismo. Autista em italiano é "motorista". Para a pessoa com autismo é autistico

- burro - Não é o animal nem a palavra usada muitas vezes para definir uma pessoa ignorante, com pouca inteligência. Burro é manteiga. O burro animal é asino e para o xingamento se usa stupido, idiota.

- caldo - Não é o caldo de cana, caldo de mocotó, caldo de batatas. Para caldo nesse sentido se usa brodo ou zuppa (sopa). Caldo é calor, quente

- cena - Não é a cena de um film. Cena, som de tche, é o jantar. Cena de filme é scena, que tem som de x!

- derubare - Não é deixar cair alguma coisa. Esse é far cadere. Derubare quer dizer furtar, roubar. Hanno derubato il mio cellulare (roubaram o meu celular).



- fino - Não quer dizer a espessura de alguma coisa. Fino é até (Sarò qui fino alle 8- Estarei aqui até as 8). Fino de espessura é sottile

- follia - Não, não é a folia de carnaval. Folia em italiano quer dizer "loucura", "imprudência".

- fortuna - Não é a fortuna material, dinheiro, riqueza. Fortuna é sorte!

- gioia - Fonéticamente como a nossa palavra jóia. Mas não significa a mesma coisa. Gioia em italiano quer dizer "alegria". Jóia é gioiello.

- palestra - Não é uma apresentação oral sobre algum tema específico. Palestra é a academia de ginástica. 

- prego - Não é o prego para segurar algo na parede ou unir alguma coisa. Esse é o chiodo. Prego no italiano é usado de diferentes formas, desde para responder ao Obrigado, como se fosse 'de nada', até ser gentil quando alguém quer passar ou fazer algo primeiro, por exemplo, como o nosso 'pois não'.

- prima - Não é a filha da sua tia. Prima é antes. E primo é primeiro. Prima de parente é cugina.

- squisito - Pode soar como esquisito, mas não significa a mesma coisa. Squisito é delicioso, excelente! Esquisito se fala strano

- subire - Não é subir. Subir é salire. Subire é 'sofrer a ação de alguma coisa', como sofrer um acidente.

- trombare - Não é a gíria muito comum em São Paulo - 'a gente se tromba depois' - que quer dizer encontrar... Em italiano trombare é "trepar". 'transar'! Portanto não fica bem se você fala pra um amigo: 'Ci trombiamo dopo.' Você estaria dizendo: "A gente transa depois, e não 'A gente se encontra depois." Hahahaha!

Hai capito?!

Baci a tutti!

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Festival de Sanremo 2015

Uma grande parte dos italianos passou o carnaval em frente à TV.
Sim, pois neste fim de semana passado aconteceu a 65ª edição do Festival de Sanremo, o Festival da Música Italiana, transmitido ao vivo pela Rai

Curiosidades a respeito do Festival:

- É considerado um dos mais importantes da Europa pela sua longevidade. 
- Em 1968 o vencedor foi Roberto Carlos (sim, o nosso) com a canção Canzone Per Te, de autoria de Sérgio Endrigo.
- A famosíssima canção Nel blu dipinto di blu (Cantare..oh, oh.. Volare..oh, oh, oh, oh..) de Domenico Modugno e Johnny Dorelli foi a vencedora do ano de 1958.
- Os mesmos ganharam o Festival do ano seguinte também. Domenico junto com um outro compositor ganhou mais outros 2 troféus do Festival.
- O famoso Peppino di Capri também ganhou o festival duas vezes.
- Outros famoso (conhecido por brasileiros) que ganhou o Festival foi Eros Ramazzotti, com a canção Adesso tu, em 1986.
- Laura Pausini não chegou a ganhar o prêmio principal, mas ganhou o Prêmio Jovem em 1993 com La solitudine e, ficou em terceiro lugar em 1994 com Strani amori.

Esse ano a música vencedora foi do trio Il Volo, chamada Grande Amore
O trio é composto por três jovens na faixa dos 20 anos, dois deles são tenores e um barítono. Cantam canções clássicas italianas e internacionais além de novas composições num estilo neo-clássico. Muito originais. Para assisti-los no Festival clique aqui ou na foto abaixo (ainda não tem disponível vídeo oficial no Youtube).

Il Volo (foto: Giornalettismo.it)
Segundo lugar para Nek, já bem conhecido no circuito musical italiano, porém sem muito destaque atualmente. A canção Fatti avanti amore não ganhou o título principal mas ganhou o prêmio de melhor arranjo.


E a medalha de bronze ficou para Malika Ayane, com Adesso è qui. Para assistir clique aqui ou na foto abaixo. 

Malika Ayane (foto: si24.it)
O prêmio para jovens propostas ficou com Giovanni Caccamo com a canção Ritornerò da te. Para assistir clique aqui ou na foto. 

Giovanni Caccamo (foto: lineadiretta24.it)
Com o tempo aprendi a apreciar a música italiana, mas quando cheguei não gostava de nada, parecia tudo igual e tudo muito brega, rs. 
Confesso que as vencedoras não fazem meu estilo, tinha outras que eu gostava, mas, gosto é gosto. 

Eu prefiro ficar com o Tiziano Ferro, inigualável, que arrasou na abertura do Festival. 
Ahh aquele sorriso!!

E aqui a nova música, apresentada no Festival também! Linda!

Sou apaixonada, confesso! <3

Tiziano Ferro (foto: ilfattonisseno.it)

Ai ai ...
Fico por aqui!

Baci a tutti!

domingo, 15 de fevereiro de 2015

Brasileiras pelo Mundo: Diferentes Carnavais

Voltando ao tema Carnaval, hoje estou lá no Brasileiras pelo Mundo, contando um pouco mais das 3 mais famosas festas de carnaval italianas e suas origens. 

Claro, porque Itália é história! Muita história!

Confiram lá: Diferentes Carnavais 


Bacio a tutti e buon carnevale!!


sábado, 14 de fevereiro de 2015

Os 10 lugares mais românticos de Roma

Saiu no Roma Fanpage, site que acompanho aqui na Itália, a lista com so 10 lugares mais românticos de Roma.

Hoje como é o dia de San Valentino, o dia dos apaixonados, reproduzo aqui a lista traduzida.

1 - O Pincio 
É o passeio histórico mais querido  dos romanos, talvez o mais bonito. A partir do terraço atrás da Villa Borghese, a vista da Piazza del Popolo é de tirar o fôlego. O parque Pincio foi construído no início de '800, quando Roma foi invadida pelos franceses. O projeto, em estilo neoclássico, do jardim e da Piazza del Popolo é do arquiteto Valadier. É o primeiro jardim público em Roma desejado por Napoleão.

Vista de Roma a partir do terraço do parque Pincio (foto do meu arquivo pessoal)
2 - O Campidoglio
Não é a praça nem a vista da Piazza Venezia. Essa parte, talvez, não é nem romântica. Mas por trás do Campidoglio, ao longo do caminho que usam os carros para chegar na colina onde está a sede da prefeitura da Capital, a vista sobre o Fórum Romano é incrível. Ao pôr do sol é ainda mais. 

3 -  O Gianicolo 
De lá, você realmente verá tudo de Roma. Talvez isso seja o suficiente para torná-lo o lugar mais romântico da capital. Teatro em 1849 da defesa heróica da República Romana contra os franceses chamados pelo Papa Pio IX para re-apropriar Roma, o Gianicolo tornou-se, após a unificação da Itália, um grande parque público e um memorial do Risorgimento. 

Vista de Roma do Gianicolo (foto: danielesemeraro.it)

4 -  O Aventino e o Giardino delle Aranci
O Jardim  das Laranjas é o palco de uma das mais belas cenas, certamente, mais parecida com um conto de fadas, do filme de Paolo Sorrentino, 'A grande Beleza'. Na Piazza dei Cavalieri di Malta, aproximando o olho no buraco da fechadura da porta do Priorado você vê a cúpula da Basílica de São Pedro. As árvores do Jardim das Laranjas são especialmente cortadas para ser possível ver a cúpula.

Vista da Basilica São Pedro através do buraco da fechadura do Priorado (foto: lindifferenziato.com)

5 -  Parque Appia Antica (contei sobre ela aqui)

Dezesseis quilômetros de trilha na antiga Via Appia, entre os aquedutos romanos, árvores e prados, villas romanas e as ruínas da Roma imperial.

Antiga rua romana - Appia antica (foto: appia.si)

6 -  A Basílica de Massenzio 
É a última e a maior basílica civil do centro monumental de Roma. Iluminada à noite é linda. Fica dentro da área das ruínas dos Fóruns Imperiais.

A basílica iluminada à noite, numa ocasião de projeção de filme (foto: ilmessaggero.it)

7 - Trinità dei Monti
Um clássico. A escadaria de Trinità dei Monti é talvez a mais famoso cartão postal de Roma (Coliseu excluído). No canto direito da escadaria está a casa do poeta Inglês John Keats, um mestre do Romantismo.

Trinità dei Monti e a famosa escadaria (foto: boomsbeat.com)

8 - A fonte dos apaixonados
Fontana de Trevi, claro, a mais famosa de Roma. Mas poucos sabem que a borda direita da fonte é uma bacia retangular com dois pequenos bicos: a fonte dos apaixonados. Diz-se que os casais que bebem desta fonte permanecem apaixonados e fiéis para sempre.

Eu cumprindo a tradição da moedinha, sem saber da tal fonte na lateral direita. Vou voltar lá!

9 - Villa Ada
Villa Ada é o segundo maior parque público de Roma depois de Villa Doria Pamphili. Sua lagoa no verão ao pôr do sol é um dos lugares mais relaxantes (e um dos mais românticos de Roma).

10 - O lungotevere
O ponto mais bonito e cenográfico é, sem dúvida, a altura da Ilha Tiberina. Desde quando Federico Moccia falou dos cadeados de casais apaixonados em seu livro "Três metros acima do céu", também ponte Milvio é meta obrigatória.



Ponte Milvio e os cadeados, mas eles não são eternos, periodicamente são retirados e claro, em pouco tempo já está cheia de novo. (foto: hotelcentraleroma.it)

Ahhh o amor!!!


Baci a tutti!

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Brasil com Z: Carnaval de fantasias e gostosuras

Hoje estou lá no Brasil com Z, falando um pouco sobre minhas impressões sobre o carnaval e um pouco mais sobre o carnaval italiano.

E ainda, passo as receitas dos doces famosos do carnaval daqui. Conhecem?

Confiram lá no Brasil com Z no post entitulado 'Carnaval de fantasias e gostosuras'.


                                                            


Aqui no blog já tinha contado em alguns posts sobre o carnaval, pra quem não leu:

- O Carnaval de Milão

- Ivrea e lo storico carnevale

- Diferentes Carnavais


Buon carnevale!!!

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

TI AMO vs. TI VOGLIO BENE

Próximo sábado, 14 de fevereiro, além de sábado de carnaval é o Dia dos Namorados.

Hoje conto uma curiosidade da língua italiana no que diz respeito a dizer 'eu te amo', em italiano. 


Confiram o diálogo:

Dialogo:
Lui: Devo confessarti una cosa: io… ti amo!
Lei: Beh, io… ti voglio bene!
(Lui va via disperato)


Diálogo (Tradução)
Ele: Devo te confessar uma coisa: eu... te amo!
Ela: Bem, eu... te quero bem!
(Ele vai embora desesperado)


TI AMO vs. TI VOGLIO BENE

Atenção para estas duas expressões, porque, se usadas no contexto errado, pode criar grande embaraço!

Você sabe a diferença?

Em italiano, "TI AMO" é dito apenas para as pessoas com as quais temos (ou gostaria de ter!)  intimidade sexual (marido e mulher, namorado e namorada, amantes, etc.).

Para amigos, filhos, pais, irmãos e irmãs, etc .. nunca se diz "TI AMO"! O "afeição forte" que se sente por eles é expresso pela frase "TI VOGLIO BENE" (literalmente, "Eu te quero bem").

"Mas o pior momento será quando um dirá 'te quero bem'. E o outro, apaixonado, responderá 'eu também te quero bem'. E não tem nada de pior do que dizer 'te quero bem' à pessoa que se ama."

Porém para coisas pode ser usado o AMO:

AMO questa canzone
AMO questo abito
...
etc.

Porém o "ti voglio bene" pode ser usado entre casais. Em português seria a diferença em falar "gosto muito de você" e "eu te amo" para um namorado ou paquera. A diferença entre o gostar e amar.

O TI VOGLIO BENE,  pode ser substituído ainda pelo TI ADORO, ou ser enfatizado:
- TI VOGLIO MOLTO BENE
- TI VOGLIO UN MONDO DI BENE
- TI VOGLIO TANTO TANTO BENE
ecc.

Te quero bem./ Eu também./Eu sei/ "Não sabe de nada"! Eu te amo!
Espero que tenham gostado!

Baci a tutti!


segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

www.sonhosnaitalia.com

Com mais de 4 anos e meio de blog, hoje foi superada a marca de 500.000 visitas e, para comemorar, finalmente o blog tem um domínio próprio!

Eu não achava que tinha necessidade, mas vi que era tão simples e barato para o blog ter um domínio personalizado que está aí!

Agora Sonhos na Itália é .com



Facilita ao digitar o endereço, aparece melhor nas pesquisas e fica  muito mais profissional (ao menos me disseram! rs).

É mais um passo merecido a esse blog que nasceu sem nenhuma pretensão e é um sucesso!
Graças à vocês que acompanham sempre!

www.sonhosnaitalia.com

:)

Feliz!


Grazie a tutti!





domingo, 8 de fevereiro de 2015

100 melhores blogs internacionais - Vote Sonhos na Itália

Queridos leitores, por acaso fiquei sabendo que o blog foi nomeado para concorrer entre os 100 melhores blogs de troca de experiência internacional, o ‘Top 100 International eXchange and eXperience Blogs’. 

O prêmio é o reconhecimento através dos votos de vocês, leitores. Estão participando blogs do mundo inteiro, escrito em várias línguas e que compartilham diversos tipos de experiências.



Para votar, basta clicar nesse link aqui e procurar o nome do “Sonhos na Itália” na lista, que está em ordem alfabética, clicar no quadrado ao lado do nome e ir no fim da página e clicar no botão VOTE. 

Não precisa fazer nenhum tipo de cadastro e, só é aceito um voto por pessoa (provavelmente por IP). 

O período a votação vai até 15 de fevereiro.

Conto com vocês!

É o blog crescendo e aparecendo!

Estou muito feliz!
Tudo graças à vocês que leem, compartilham e seguem a cada dia a narrativa da realização dos meus sonhos!

Grazie a tutti!

Baci!




sábado, 7 de fevereiro de 2015

Realizando meu sonho na Itália: Aventura em uma Fiat 500

Hoje inauguro o espaço "Realizando meu sonho na Itália!".

Sonhadores e apaixonados pela Itália contarão suas aventuras, suas experiências, seus sonhos realizados aqui no país da bota!

Hoje começamos com a Nerci Fátima, que é de Curitiba-PR, mora atualmente em Sorrento com seu marido italiano. 

Juntos eles fizeram a viagem dos sonhos a bordo de uma Fiat 500!

Esse sonho também é meu! E um dia o realizarei!

Nerci conta então um pouquinho de como foi a realização deste sonho:

   


"Muito obrigada, por ceder espaço para compartilhar a história da nossa viagem.

Realizamos essa aventura dentro de uma Fiat 500 do ano de 1967. 
Resolvemos fazer a nosso modo justamente porque queríamos fazer tudo muito tranquilamente, sem sermos limitados por ninguém e, foi tudo incrível, hilário e inesquecível.

Na ida, seguimos pelo lado Mediterrâneo, passamos por lugares indescritíveis: Zagarolo, Roma, Perugia, Firenze, Bologna, Padova, Trieste, Lubiana, Maribor, Zalaegerszeg e Budapest.

E olha, hoje posso dizer que viajar é cultura, ainda mais dentro de uma relíquia de 48 anos, de cor preta com a bandeira italiana pintada na sua capota.
Foi ela a nossa 'PICULUCHA', a grande protagonista da viagem que nos proporcionou conhecer o coração da Europa.
Em nosso 'slow drive', porque a 70 km por hora pudemos verdadeiramente apreciar a viagem, a natureza e a riqueza da história de cada lugar por onde passamos.




Permanecemos 5 dias na Hungria. Foi muito especial e adorável ver e saber como tudo funciona muito bem, a limpeza das ruas, a sinalização de trânsito, a educação das crianças nas escolas, é outra realidade. 

Slovênia também e invejável como organização e limpeza. 

E, enfim, voltamos pelo lado adriatico da Itália: passamos por Verona, Lago de Garda, Maranello e San Marino, Spoleto, outra vez Zagarolo, Abadia de Monte Cassino e, depois de totalizar 4.305 km de estrada, felizes chegamos em casa e, incrivelmente nossa 'piculucha', apesar de ter 48 anos e um motor 600 original, não nos aborreceu em nenhum momento." 



Nerci e o marido mantém uma Página no Facebook: Sorrento Budapest Sorrento in Fiat 500, onde compartilham fotos e momentos dessa incrível viagem! 

Quer compartilhar sua história, a realização do seu sonho aqui na Itália?

Escreva para sonhosnaitalia@gmail.com
Terei o prazer de publicar a sua história no blog!

Até a próxima!

Baci a tutti!

Você também pode gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...