02/04/2020

Corrente do bem: Brasileiros unidos contra a fome

Ontem o decreto com as medidas de restrição (distanciamento social/isolamento) foi extendido do dia 3 de abril ao dia 13. Todos os esforços devem ser mantidos para sairmos dessa e voltarmos "pian piano" a termos uma vida normal, sobretudo, podermos voltar a trabalhar e ganhar o pão e cada dia.

Acontece que, muitas famílias já estão sem o seu "pão de cada dia", depois de 21 dias oficiais nesta restrição.
Justamente para ajudar tantas pessoas em dificuldade, a solidariedade e união fazem a força.
Brasileiros de todos os cantos da Itália estão se mobilizando para ajudar. A restrição no deslocamento dificulta, mas não pára a ajuda.


No grupo Facebook "Brasileiros em Milão - BEM", temos a #CorrentedoBem, na qual diversas pessoas estão publicando a própria oferta de ajuda com mantimentos de acordo com o bairro onde residem.

Os grupos de Brasileiros em Roma também estão se mobilizando, assim como os grupos de WhatsApp nos quais brasileiros constroem Redes de Apoio para ajudar o próximo.

Assim podemos dizer orgulhosamente: BRASILEIRO SENDO BRASILEIRO!

Você se encontra em dificuldade? Não tenha vergonha de pedir!

Além dos grupos no Facebook, podem me escrever de toda a Itália e ajudarei no meu possível (sonhosnaitalia@gmail.com ou mensagem whats +39 388-9709012), mesmo que para orientar ou com quem onde pedir ajuda.

Além desses canais entre brasileiros, é possível procurar:

Milão

- Caritas Ambrosiano
- Comune di Milano pelo número de telefone 020202 - tasto 2
- Progetto Arca
- Centro S. Antonio – (via Farini 10): distribuição de refeições
- Fondazione Fratelli S. Francesco (via Saponaro): almoço para os inscritos; jantar solo para os hóspedes de via Saponaro
- Le suore della Mensa (via Ponzio 75): distribuição de refeição fria-lanche
- Opera Messa della carità (via Canova 4): distribuição de refeição fria-lanche
- Opera Pane S. Antonio (piazza Velasquez 1): distribuição de refeições quentes
- Opera San Francesco per i poveri (piazza Tricolore): distribuição de refeições quentes
- Suore Missionarie della carità (via Forze Armate 379): distribuição de refeições quentes
- Ristorante Ruben (via Gonin 52): distribuição de refeições quentes no jantar
- ASSOCIAZIONE DI PROMOZIONE SOCIALE TODO CAMBIA tc@todocambia.net +39-02-39468399 (lunedì dalle 18 alle 20)

Roma

- Roma é gigantesca e aqui neste link do artigo publicado pelo PiuCulture, tem uma lista dividida por Municipio de todos os lugares onde é possível pedir ajuda ou fazer uma refeição.
- Missão Católica Latino Americana - Brasileiros em Roma - Chiesa della Luce - Via della Lungaretta n. 22 - Trastevere - (Amilton 3332038906 - Coordenador , atende das 9 ao meio dia)
- O Consulado Brasileiro em Roma também está recebendo pedidos de ajuda e de ofertas para quem quer ser voluntário e/ou colaborar com mantimentos, etc. Formulario para quem precisa de ajuda clique aqui.
- Pagina Facebook * Brasileiros em Roma-Brasiliani a Roma * onde estamos publicando as possibilidades de ajudar e ser ajudado
- Flávio Brandão e Tati Queiroz, querido casal brasileiro amigos e disponíveis nessa corrente de ajuda, mobilizando toda a comunidade para que todos possam ser atendidos nesse momento de dificuldade. Mensagem whatsapp Flavio + 39 389 511 0505, Tati +39 345 976 2811.
- Igreja Evangélica (de brasileiros) Dono della Fede - Pastor Sérgio - Zona Prenestina - Largo Preneste - Via Luchino del Verme, 32.
- Associazione Amore Solidale - Página e Grupo Facebook

E muitos outros!

Quer se unir a essa linda CORRENTE DO BEM ou precisa de ajuda?

Quer incluir algum contato na lista?

Fale comigo!!!
Carla Guanais email: sonhosnaitalia@gmail.com ou mensagem whats +39 388-9709012


#juntossomosmaisfortes
#juntossomoscolossais
#correntedobemsonhosnaitalia
#correntedobem
#brasileirosemroma
#sonhosnaitalia

24/03/2020

Emergência Coronavírus - Conheça as principais medidas tomadas pelo governo italiano


Em 30 de janeiro de 2020, após a notificação feita pela China (31 de dezembro de 2019) de um conjunto de casos de pneumonia de etiologia desconhecida (posteriormente identificado como o novo coronavírus Sars-CoV-2) na provincia de Wuhan, a Organização Mundial Saúde (OMS) declarou a epidemia de coronavírus na China uma emergência de saúde pública de interesse internacional. No dia seguinte, o governo italiano, após as primeiras medidas cautelares adotadas a partir de 22 de janeiro, levando em conta a natureza particularmente difundida da epidemia, proclamou o estado de emergência e implementou as primeiras medidas para conter o contágio em todo o território nacional. 


A seguir, são apresentadas as medidas tomadas em ordem cronológica pelo governo desde 30 de janeiro, (Veja o conteúdo completo no site do Governo Italiano)

30 de janeiro de 2020

Após a declaração do estado internacional de emergência pela OMS, durante uma conferência, o Presidente Conte confirmou os dois primeiros casos de contágio encontrados na Itália: são dois turistas chineses, imediatamente hospitalizados em isolamento no INMI Lazzaro Spallanzani, em Roma.
O Presidente lembrou que, desde os primeiros estágios da epidemia, inspirado no princípio da precaução, foram implementados na Itália controles aeroportuários para cidadãos provenientes da região onde ocorreu o surto epidêmico e foram implementadas medidas precisas de controle - medição da temperatura corporal, identificação e isolamento de pacientes, procedimentos para rastreamento e contatos próximos de quarentena - que, juntamente com um eficiente sistema de vigilância epidemiológica e microbiológica, garantem a rápida contenção de todos os casos. Além disso, foi criada uma Força-Tarefa no Ministério da Saúde para coordenar, em conexão contínua com as instituições internacionais competentes.

O Presidente declarou então que, por ordem das autoridades nacionais de saúde, todos os vôos de e para a China - além dos de Wuhan, já suspensos pelas autoridades chinesas - foram suspensos e garantiram que a situação está sob controle e que as medidas adotadas são preventivas e colocam a Itália no mais alto nível de cautela em nível internacional.

1 de fevereiro de 2020

O Comitê Operacional voltou a se reunir para avaliar todos os cenários operacionais relacionados ao nível atual de disseminação do vírus e preparar as medidas a serem adotadas em muito curto prazo, em especial no que se refere ao tráfego aéreo e marítimo.
Isso inclui o aumento dos exames de saúde também nos portos, com a extensão de um procedimento até agora previsto apenas para embarcações fora da UE, a "prática de saúde gratuita", a todos os navios mercantes e cruzeiros em trânsito, e uso de scanners térmicos nos aeroportos, para monitorar a saúde dos passageiros em voos vindos da China por meio de escalas intermediárias.

Após a suspensão dos voos da China, a Farnesina decidiu estabelecer uma unidade operacional especial para facilitar todos os procedimentos relacionados. para italianos na China, para chineses temporariamente presentes na Itália e para a gestão do tráfego de mercadorias. Após a reunião de 1 de fevereiro de 2020, a possibilidade de realizar vôos de carga entre Itália e China foi reativada.

3 de fevereiro de 2020

- realização de intervenções de resgate e assistência à população em questão, o fortalecimento dos controles nas áreas aeroportuária e portuária, em continuidade com o medidas urgentes já adotadas pelo Ministério da Saúde, bem como atividades para o retorno de pessoas presentes nos países em risco e o retorno de cidadãos estrangeiros aos países de origem expostos ao risco.

4 de fevereiro de 2020

- Foram fortalecidos significativamente os controles e o pessoal médico e de saúde em todos os aeroportos e portos. Em Roma Fiumicino, corredores de saúde e scanners térmicos foram ativados em todas as chegadas. 

21 de fevereiro de 2020

- medidas obrigatórias de isolamento de quarentena para contatos próximos com um caso positivo e fornecimento de vigilância ativa com permanência fiduciária em casa para aqueles que esteve em áreas de risco nos últimos 14 dias, com obrigação de relatar por parte da pessoa em causa às autoridades de saúde locais.

23 de fevereiro de 2020

Após os surtos registrados na Lombardia e Veneto, foi aprovado um decreto-lei que introduz medidas urgentes de contenção e gerenciamento da emergência epidemiológica do COVID-2019. 
25 de fevereiro de 2020

- O Presidente adotou medidas relacionadas à realização de eventos esportivos de todos os tipos e disciplinas, organização de atividades escolares e ensino superior, prevenção de saúde nas prisões, regulamentação de como acessar exames de condução e organização de atividades cultural e turismo.

5 de março de 2020

- Fechamento de todas as escolas em todo o país.

8 de março de 2020

Foi Criada a Área Vermelha, que inclui o território da região da Lombardia e 14 outras províncias (cinco de Emília-Romanha, cinco de Piemonte, três de Veneto e uma de Marche). Nesta área, está prevista a aplicação de medidas reforçadas para conter a infecção, à luz da dinâmica epidemiológica que se desenvolveu nos últimos dias. Artigo. 2 deles prevê a reformulação das medidas para contrastar a epidemia, sujeita a uma aplicação uniforme no restante do território nacional. 
9 de março de 2020

- Fica proibido reunir pessoas em locais públicos ou abertos ao público.

11 de março de 2020

- Fechamento de todas as atividades comerciais e de varejo, com exceção de supermercados, necessidades básicas, farmácias e parafarmácias.

19 de março de 2020

- Foi criada  uma força-tarefa de médicos de toda a Itália que contará com um máximo de 300 médicos, com participação voluntária. Mais de 3000 médicos se candidataram e quase 800 foram selecionados.

20 de março de 2020

- Proibição do acesso público a parques, vilas, áreas de lazer e jardins públicos; realizar atividades recreativas ou ao ar livre. É permitido realizar atividades motoras individuais perto de sua casa, desde que respeitando a distância de pelo menos um metro entre si. A portaria também exige o fechamento dos estabelecimentos de administração de alimentos e bebidas, localizados nas estações ferroviária e lacustre, bem como nas áreas de serviço e reabastecimento, com exceção daqueles localizados nas rodovias, que só podem vender produtos de comida a ser consumida fora das instalações; os localizados em hospitais e aeroportos permanecem abertos, com a obrigação de garantir, em qualquer caso, o cumprimento da distância interpessoal de pelo menos um metro. Em feriados e pré-feriados, assim como em outros que imediatamente precedem ou seguem esses dias, é proibido qualquer movimento para residências além da principal, incluindo as segundas casas usadas para férias. 

22 de março de 2020

- Proibição de todas pessoas de se deslocarem com meios de transporte público ou privado para um município diferente daquele em que estão localizados, exceto por comprovada necessidade de trabalho, de absoluta urgência ou por razões de saúde.

-Fechamento de atividades de produção não essenciais ou estratégicas. Ficam abertos supermercados e mercearisa, farmácias, lojas de artigos de necessidade básica e serviços essenciais. As disposições  são válidas até 3 de abril de 2020.


E aqui estamos, em casa, com a fé que tudo passará logo!
#andrátuttobene
#stopcovid19
#iorestoacasa
#fiqueemcasa
#sonhosnaitalia













19/03/2020

Corrente do bem Sonhos na Itália em tempos de coronavírus: Faça a sua doação para ajudar a combater o vírus

A Região Lombardia é a região italiana mais atingida pela doença Covid-19, o novo Coronavírus.

Apela aos cidadãos pedindo doação de qualquer valor para ajudar a combater a doença, comprando equipamentos, materiais, por exemplo.

os dados da conta são:

REGIONE LOMBARDIA – SOSTEGNO EMERGENZA CORONAVIRUS
IBAN: IT76 P030 6909 7901 0000 0300 089
BANCA INTESA SANPAOLO
VIA LUIGI GALVANI 27 – N. 2
20124 MILANO- MI - ITALIA

Toda e qualquer quantia pode fazer a diferença!

Vamos ajudar!


Até o momento as doações somam € 19.814.121,80.

Maiores informações no site da Região Lombardia

#fermiamoloinsieme #correntedobemsonhosnaitalia #sonhosnaitalia #stopcovid19

18/03/2020

Corrente do bem em tempo de coronavírus: Valorizando a leitura - livros e revistas digitais grátis

Continuando forte com a #CorrentedobemSonhosnaItália, a ideia é compartilhar oportunidades de agregar conhecimento, cultura, aproveitar o tempo livre em tempo de quarentena com algo útil e interessante. 
Gosta de ler? 
Hoje mesmo dei meu depoimento no Instagram do @BrasileirosemRoma no qual conto que estou aproveitando para finalizar a leitura de dois livros que estavam começados e acabava deixando, por um motivo ou outro, deixando para depois.

Aproveitando ainda do projeto "Solidarietà Digitale" do governo italiano, divulgo algumas empresas que disponibilizaram livros digitais grátis para os leitores e também, editoras que por sua vez estão dando gratuitamente assinaturas de suas revistas por um período. 

Corrente do bem em tempos de quarentena Coronavírus:
Livros e revistas digitais grátis


Bertonieditori - Escolha um livro no site www.bertonieditore.com e envie um email para j.bertoni@outlook.it com o título escolhido e nome completo, que lhe será enviado o título escolhido em formato digital (ebook ou pdf). Outra iniciativa da editora é que ela disponibiliza diariamente books gratuitos, em troca que se curta a página Facebook deles, leia o livro e comente sobre o livro nas redes sociais usando a tag deles.



- Para quem tem filhos, a Smart Tales disponibiliza livros animados e interativos gratuitamente no seu APP para IOS e Android. Baixe o app e use o codigo ST2020IT .


- Para os apaixonados por carros, a "L'Automobile" disponibiliza numeros gratuitos da sua revista digital, basta enviar um email para solidarietadigitale@lautomobile.it com assunto “Solidarietà l'Automobile", que eles enviarão uma resposta por email com o código e as instruções de acesso.


- Os apaixonados por culinária podem baixar o app do Gambero Rosso, depois de se registrar no site https://www.gamberorosso.it/abbonamento-rivista-digitale-3-mesi-gratis/ , e ter 3 meses da revista inteiramente grátis.


- "Il saggiatore" também disponibiliza livros digitais diretamente pelo site https://www.ilsaggiatore.com/solidarieta/


- A "Book a Book" também adotou a iniciativa pelo site https://bookabook.it/stare-casa-leggere-casa/


- "Altreconomia" também disponibiliza números dedicados à cultura, ciência e tempo livre no site https://altreconomia.it/prodotto/abbonamento-digitale-trimestrale-zona-rossa/


Essas ofertas e outras estão disponíveis no portal Solidarietà Digitale

Ficou sabendo de alguma outra coisa interessante? Me escreva em um dos Canais Sonhos na Itália!

Arrivederci!


=



17/03/2020

Corrente do bem em tempos de Coronavírus: Cursos online grátis!

Em tempos de quarentena Coronavírus, já que nós na nossa grande maioria estamos em casa (alguns continuam trabalhando mesmo em casa, outros ainda fora), venho propondo dicas para agregar conhecimento ou mesmo entretenimento que não seja só ficar vendo notícias sensacionalistas ou perdendo tempo em redes sociais sem fazer nada produtivo. 

Seguindo com o projeto #CorrentedobemSonhosnaItalia, depois de publicar os 10 museus e coleções de arte que se pode visitar online, hoje publico um lista de cursos gratuitos para serem seguidos também pela internet.

Corrente do bem em tempos de quarentena Coronavírus:

 Cursos online gratuitos




O IGEA - Centro Promozione Salute está oferecendo seminários e cursos gratuitos e ainda até 70% nos cursos pagos com a hashtag de desconto #iorestoacasa

Os cursos são da área da educação, pedagogia, psico-pedagogia, etc. Vale a pena conferir no site IGEA. Alguns exemplos interessantes dos cursos gratuitos oferecidos:

- "Esame di Stato" para Psicólogos

- A língua dos sinais italiana - LIS

- Seminário: O poder da comunicação não verbal


EduOpen - portal com diversos cursos curriculares, masters, cursos de orientação à formação, formação continuada etc. Existem cursos disponibilizados em inglês, italiano e francês. Para quem já tem uma profissão e tbm para quem tem dúvida de qual caminho seguir. 

TRIO - Sistema web-learning da Região Toscana. Cursos de várias áreas, inclusive para quem quer aprender línguas e ainda quem precisa aprender italiano. É preciso se registrar no portal para ter acesso aos cursos. 

O site InformaGiovani de Ferrara fez uma "compilation" dos sites europeus (e não só) que oferecem cursos de formação online gratuitos. Tem muita coisa! 

Da iniciativa do governo italiano, surge o "Solidarietà Digitale", portal no qual várias empresas disponibilizaram serviços e produtos gratuitamente. Algumas boas oportunidades no que se refere a curso:

- Língua italiana para estrangeiros

- Cursos na área de Programação

- A VALE SRL oferece cursos gratuitos na área de segurança, é preciso mandar um email para solidarietadigitale@gruppovale.com.

- Curso de inglês com a EF English Live


Não perca a oportunidade. Alguns cursos têm data limite de inscrição.
Escolha o seu, se inscreva e se programe para segui-lo com atenção e interesse!

#correntedobemSonhosnaItália
#sonhosnaitalia





16/03/2020

Corrente do bem em tempos de quarentena Coronavírus: 10 museus para se visitar estando em casa

Nas minhas páginas Facebook e nos grupos Whatsapp que participo, procuro sempre manter uma "Corrente do bem", com o intuito de ajudar (coisa que já venho fazendo há quase 10 anos com os canais "Sonhos na Itália"). 

Em tempos de quarentena Coronavírus, já que nós na nossa grande maioria estamos em casa (alguns continuam trabalhando mesmo em casa, outros ainda fora), venho propondo dicas para agregar conhecimento ou mesmo entretenimento que não seja só ficar vendo notícias sensacionalistas ou perdendo tempo em redes sociais sem fazer nada produtivo. 

Sabe aquela viagem que você gostaria de fazer e ainda não fez? Aquele museu que sempre quis conhecer ou que visitou há tempos atrás e gostaria de voltar? Pois então! Alguns deles disponibilizam tours virtuais e coleções para apreciar online, do sofá de casa, da cama (ou do banheiro, porquê não?).




Corrente do bem em tempos de quarentena Coronavírus: 10 museus para se visitar estando em casa




12/03/2020

Epidemia Coronavirus Italia - o que fica aberto no comércio?

Com as atualizações das medidas preventivas tomadas pelo governo italiano, somente comércio varejo de caráter básico e essencial ao cidadão continuará aberto. 

Segue a lista!

O objetivo é parar o coronavírus! 
Não é um vírus que se pega no ar, mas no contato aproximado com pessoas contaminadas. Vamos procurar sair o menos possível, manter a distância mínima de 1 metro de cada indivíduo e manter a força para superar esse momento difícil o qual estamos passando todos nós que vivemos no país da bota!

#iorestoacasa
#sonhosnaitalia


Traduções Juramentadas Sonhos na Itália em tempos de Coronavirus




Em vista do novo decreto, a entrega dos trabalhos em curso sofrerão atrasos. Estarei trabalhando em casa, atendendo a todos que necessitam, fazendo orçamentos e aceitando trabalhos, porém as datas de entrega serão agendadas a partir da data do fim do atual decreto, salvo novas comunicações. 

Os tribunais não estão aceitando juramentos de traduções exceto casos urgentes devidamente justificados. 

Estamos todos assustados e estressados com essa situação.
Mas juntos, unidos, respeitando as recomendações do governo italiano, superaremos essa fase!

Grata a todos pela compreensão e, pela confiança depositada sempre!

Dúvidas estou à disposição.
sonhosnaitalia@gmail.com
Whatsapp +39 3889709012


03/03/2020

Realizando meu sonho na Itália: Diploma de Psicologia reconhecido!

Realizando meu sonho na Itália: Diploma de Psicologia reconhecido!

Enriquecendo a série de depoimentos de brasileiros que conseguiram o reconhecimento do diploma/profissão aqui na Itália, hoje publico o depoimento da Julia, psicóloga clínica.

"Oi, me chamo Julia Gugliotta, sou psicóloga clínica e psicoterapeuta sistêmica e vou contar aqui um pouco da minha experiência em reconhecer meu diploma de Psicóloga Clinica na Itália.


29/02/2020

Realizando meu sonho na Itália: Diploma de Fisioterapeuta reconhecido!

Realizando meu sonho na Itália: Diploma de Fisioterapeuta reconhecido!

Enriquecendo a série de depoimentos de brasileiros que conseguiram o reconhecimento do diploma/profissão aqui na Itália, hoje publico aqui o depoimento da Tais, fisioterapeuta. 

"Me chamo Tais Salati, tenho 34 anos, sou fisioterapeuta e há quase 5 anos moro em Bologna. 

Vim por amor e, pelo amor próprio e da minha profissão, decidi ficar. Tive meu diploma reconhecido pelo "Ministero della Salute" e estou cursando a escola de Osteopatia. Uma formação de 6 anos aqual obriga a ter muitas horas de estudos e poucos fins de semana livres. 

Compensou vir a Itália, passar pelo estresse enorme de reconhecer o diploma e agora trabalhar e estudar?


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...