13/05/2014

Violenza sulle donne - Violência contra mulheres

Aumenta a campanha contra a violência doméstica. Contra a violência às mulheres.
Uma campanha que é a favor da denúncia.
Aqui na Itália praticamente não há mortes brutas por assalto ou roubo, por exemplo, mas há sim muita violência doméstica, principalmente contra as mulheres.
Ano passado foram registradas 128 mortes de mulheres, mulheres assassinadas por seus parceiros ou ex-parceiros, fora todas as denúncias de abuso, violência, pedidos de ajuda através do disque-denúncia, o telefono rosa,  o número gratuito 1522. 
Circulam por aí cartazes de conscientização, como estes:

Os tapas são tapas. Confundi-los com amor pode te fazer muito mal

Um violento não merece o teu amor. Merece uma denúncia.
                                       
Você tem só um jeito de mudar um namorado violento. Mudar de namorado.
Não se case com um homem violento. Os filhos aprenderão rápido.
                                    
Segundo um estudo da Agência da União Europeia, a Itália não está entre os países com maior número de registro de violência contra mulheres. Segundo o estudo (resultados são representados no gráfico abaixo), 27% das mulheres italianas sofrem ou já sofreram abuso físico, psicológico ou sexual, a partir dos 15 anos de idade. Dinamarca está no topo, com 52% da população feminina violentada por seus parceiros ou não parceiros.

 
 Fica aí o alerta!





*Vem pra Itália e quer reservar os hotéis nas cidades que for visitar, de uma maneira fácil, barata e segura? Clique aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por participar!
Seu comentário será publicado após a aprovação. :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...