24/08/2011

Estereótipos - O perigo da História Única

                       Ontem recebi um vídeo muito interessante, da romancista nigeriana Chimamanda Adichi, que fala sobre o perigo da história única.  Fazendo com que a história de 1 pessoa, 1 família, 1 acontecimento seja a história, a realidade de toda uma nação. São os estereótipos criados.
                        Chimamanda conta a sua história, o etereótipo da Nigéria, da África. Mas isso acontece com todos os países, continentes. Acontece também com nós brasileiros, que acabamos sofrendo preconceitos, julgamentos por um estereótipo criado por uma "história única". E acontece também com a Itália, com os italianos. Por isso digo que não dá pra generalizar, e o Druída do "A verdadeira Itália" diz que sou uma brasileira "boazinha", sonhadora e deslumbrada. Bem, não é isso. É que dentro de um país, há milhares de pessoas, cada uma com sua história. Não é que porque dizem que os italianos falam alto, são mau-humorados, são fedidos, são banguelos, são preconceituosos que TODOS os italianos serão assim! Não existe apenas UMA história. 
                        Isso para todos os lugares!
                     Compartilhei o vídeo na página do blog no Facebook, mas para quem não viu, não curtiu ainda  a página lá no Facebook, tá aí o link. Assistam na íntegra e reflitam.




                       Beijos e boa quarta-feira!

7 comentários:

  1. Oi Carlinha, tudo bem?

    Obrigada pelo incentivo ao meu blog novo!

    E quanto a este post, eu também sou contra a qualquer manifestação de história generalizada.
    Você disse praticamente tudo neste post. Como já morei no Japão e passei alguns dias na Itália, posso dizer aqui com todas as letras que não podemos mesmo generalizar nada.

    No Japão senti preconceito dos 2 lados. Japoneses que já olhavam torto para os brasileiros que se aproximavam, mesmo sem se conhecerem; e do outro lado brasileiros falando mal de japoneses, que são todos iguais, que são CDF´s, fechados, etc...

    Na Itália esperava encontrar uma coisa e vi outras!

    Então não dá para generalizar mesmo.
    Cada um é um né Carlinha.
    Pena das pessoas que ainda não tem uma mente aberta pra isso.

    Um beijo querida

    ResponderExcluir
  2. É isso aí Flavinha! beijos pra vc!

    ResponderExcluir
  3. Adorei o blog.
    Adorei tanto o post que coloquei no meu blog.
    beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi,Carlinha.Tudo bem?

    Gostei do seu post e o acho pra frente.E voce tem razao.Aqui um porém:é impossivel analizar os modos de um povo por cada um.Por isso devemos pensar de modo geral,baseados em fatos:habitos,gestos,gostos,etc.Isso nao é errado,é ciencia.O comportamenteo coletivo influencia em muito o individual. Imaginou estudar a populaçao chinesa?Milhoes de habitantes.

    Outra coisa: acho justissimo se ninguém generaliza com o meu pais e tenta ser mente aberta.Mas quando falo com italianos(em sua grande maioria so interessados nas brasileiras e generalizando o meu pais como so “favelas”, o que devo fazer?Ser o amiguinho?Rezar e como disse uma blogueira”ser estilo Ghandi”?).Sorry.Quem com ferro fere,com ferro sera ferido(nesse lado,nao sou bonzinho).Aqui entra a minha diferença com blogueiros e blogueiras paz-e-amor.E o pior,pra falar o lugar e povo DEVEM ser muito mais exemplares que o Brasil.O que nao é em nenhum momento o caso da Italia,cujo povo ja fugiu pra la seculos atras e hoje faz de novo pela crise.Isso fora os turistas sexuais e ficar mal falando dos brasileiros que fizeram ate dia da colonizaçao italiana e italianos desconhecem,mais interessados em praias,carnaval e um turismo de sexo.

    Porém,voce entendeu errado o que eu disse:
    -Boazinha voce é(nao no sentido depreciativo).E isso é bom?Desde quando ser mal é qualidade?So pra quem tem os valores invertidos.O que nao é o seu,caso tampouco o nosso.Viva os bons.A culpa desses na verdade é serem bons demias e se omitirem,deixando a publicidade pros maus 
    -Quanto a sonhar isso é bom tambem.Mas quando o sonho do mundo perfeito,de justiça,igualdade,etc atinge um lado e nao o outro,isso faz com quem o sonhador perca,por idealizar as coisas.Se voce leu o meu post,uma aula com Rickson Gracie,voce vai entender o que digo.Sonhar é bom,mas negar fatos reais porque isso é”negativo”bla bla bla.Po,se essa pessoa ler o jornal ou ver TV se suicida hahahaha.
    -Bem,quanto ao deslumbramento acho que todo brasileiro é um pouco.Essa mania de tentar renegar a nossa historia,a nossa gente,nosso povo,etc faz parte de muitos brazucas.Valorizar tudo o que vem de fora,isso é muito brasileiro.O brasileiro se odeia na verdade pois ainda considera-se descendente de alguem.Nao considera-se brasileiro,multiétnico.E quando valoriza as nossas coisas,valoriza so as piores( e quem nao gosta é preconceituoso).Olhe a mentalidade de “adorar produto importado”, carro importado,dizer que viajou pra fora do Brasil,postar fotos no FB disso e tem ate aquelas pessoas que adoram dizer que seu partner é estrangeiro pois gera status pro grupo,como se a pessoa fosse aceita e aqui entra camufladamente o turismo sexual com a filosfia tolerante brasileira.Nos falta malicia.E essa mentalidade de nao generalize tem que existir mas de AMBAS AS PARTES E NAO SO NOSSA.E acabar com esse papo deslumbrado de olhar a grama do vizinho que nao é sempre a mais verde.

    Ou seja,é complicado.Irei escrever um post:o brasileiro no diva.Tudo começa ai.Desde o carnaval,copa do mundo,turismo sexual,etc

    Boa tarde(ou noite hahah)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdadeira Itália, concordo contigo! Já morei na Itália por 1 ano e meio e realmente impera muito preconceito, ignorância e uma soberba sem embasamento nenhum, pois socialmente este país é um terceiro mundo no contexto da Europa Ocidental... Claro que sabemos que é um país belo, com relativa qualidade de vida, segurança e outras benesses sociais, que nos fazem permanecer por aqui, mas não é impedimento para relatar o lado obscuro da Itália e dos italianos.

      Excluir
  5. Verdadeira Italia visto che dici che i brasiliani amano tutto quello che e straniero e non approvate questa mentalita ...ma dico: proprio tu cosa ci stai a fare in Italia? Paz e amor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maria, é essa a pergunta que não quer calar... kkkkk bju

      Excluir

Obrigada por participar!
Seu comentário será publicado após a aprovação. :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...